Curso Online: Manutenção Estratégica na Indústria 4.0 no Brasil – Da Teoria à Prática

Curso online (ao vivo)
Carga horária total: 16 horas
Próxima data: Julho/2024 (datas a confirmar)
Horário: 
das 16h às 20h

Objetivo:
Apresentar os conceitos fundamentais de Manutenção na Indústria 4.0 associados à rotina operacional e estratégica da indústria. A gestão de ativos com seus desafios para cada tipo de manutenção, oportunidades de melhorias físicas e suporte a tomadas de decisões gerenciais de negócio.

Público-Alvo:
Profissionais envolvidos em atividades de projeto, implantação de projetos de automação; Profissionais envolvidos em planejamento de operação, manutenção, segurança ou fiscalização de plantas industriais; Profissionais das áreas de processamento, segurança de processos, confiabilidade e análise de riscos de plantas industriais.

O Mercado:
Atualmente, a indústria está passando por uma fase de modernização, onde a tecnologia está sendo integrada à rotina produtiva. Isso inclui a manutenção industrial, onde a tecnologia pode minimizar os impactos do dia a dia na planta de produção ou processamento, agregando um poder de previsibilidade muito maior. Algumas das tendências de manutenção industrial para os próximos anos incluem a Internet Industrial das Coisas (IIoT), que está estabelecendo as bases para novas técnicas que irão revolucionar a manutenção industrial nos próximos anos. Além disso, a tecnologia avançada, como a Inteligência Artificial, o reconhecimento de voz, a realidade virtual ou a visualização 3D, está começando a ser adotada na função manutenção. Outra tendência é o uso de dados armazenados na nuvem para compreender melhor o estado do equipamento e prever danos/falhas. Isso está consolidando a adoção de práticas como a manutenção preditiva e a manutenção centrada na confiabilidade. Portanto, a manutenção industrial está se tornando cada vez mais uma parte essencial do planejamento estratégico das empresas, em vez de ser vista apenas como uma função orientada somente a preservação de ativos.

Valor de inscrição¹:
Profissionais: R$ 660,00
Profissionais membros da ISA²: R$ 500,00
Estudantes³: R$ 200,00
Estudantes membros da ISA²-³: R$ 100,00

¹ Os valores acima são válidos para pagamento através de PIX ou transferência bancária. Para pagamento com cartão de crédito, por favor nos consulte em contato@isarj.org.br
² Obrigatório informar o número de membresia no formulário de inscrição para o valor com desconto ser aplicado.
³ Será solicitado o envio de um comprovante de matrícula por e-mail para efetivação da inscrição como estudante.

Conteúdo programático:

1. Revolução Industrial e sua Manutenção

2. Engenharia de Manutenção
2.1. Manutenção Centrada na Confiabilidade (MCC/RCM)

3. Visão geral da Metrologia aplicada a decisão de manutenção
3.1. Contexto Histórico
3.2. Estatística, Incertezas e Erros Máximos Admissíveis
3.3. Tolerância de Ajustes

4. Visão geral sobre Normas e Procedimentos: Porquê segui-los?
4.1 Visão geral sobre Legislação e Regulamentos: Um olhar além do potencial de multas.
4.2 Calibrações e Inspeções

5. Catálogo x Manual de equipamentos

6. Obsolescências e Melhorias nas instalações
6.1. Quando o plano de substituição de equipamento se torna um projeto

7. Planejamento Estratégico de manutenção x Planejamento Operacional de manutenção

8. Desafios do Presente e do Futuro: Sistemas; Softwares; Instrumentos

9. Network é preciso!

10. Exercícios

Professora: Dayane Lima – Engenheira de Produção especializada em Petróleo e Gás e recentemente Metrologia aplicada a Vazão. Além disso, Tecnóloga de Manutenção Industrial. Possui experiência sólida em Gestão de processos, gerenciamento de projetos de melhorias, manutenção e medição legal de fluidos para garantia de integridade, conformidade e implementação de soluções operacionais de plataformas offshore. Habilidosa com as ferramentas: Aplicativos Office (Excel, PowerPoint, Teams, Planner, Forms e Outlook), além de MS Project, Bizagi e SAP PM. Gestão metrológica e funcional dos sistemas de medição em plataformas offshore com relatórios da Medição seguindo o RTM- Regulamento Técnico de Medição ANP/INMETRO, a ISO 10012 e ISO 17025. Atuou nas empresas Bureau Veritas, Stefanini, Hirsa, Ernest Young, KEMPETRO, Tata Consultancy Services-TCS e atualmente INFOTEC.